Comentário | A Mais Pura Verdade


A alguns dias recebi este livreto com um novo  lançamento da Editora Novo Conceito, e confesso que minhas primeiras impressões sobre ele fizeram com que eu o deixasse de lado por alguns dias.
Ontem resolvi por fim ler e o posso dizer que muito me surpreendi com a historia que já me comoveu em tão poucas páginas.



Logo no inicio do livro a história que é contada por um jovem garotinho chamado Mark, já promete deixar sorrisos e memórias. Mark decide fugir de casa e ir para um lugar longe, o que não fica explicito logo de inicio são seus motivos e seu destino.

Com a companhia de seu cachorrinho Beau ele segue até seu ponto final. E fazendo com que seus pais e a polícia o procurem desesperadamente ao longo dos dias.
Mark então vai contando sua história de vida ao longo de sua jornada, e o que mais me surpreende é que a narrativa e o modo de pensar de Mark muitas vezes me fazem esquecer que ele é apenas um menino de cerca de 12 anos.

Outro ponto que me agradou bastante é a forma de como são divididos os capítulos, em seu inicio com a quilometragem restante para chegada do destino e após aparecem os capítulos (1/2) que são os que a família ou sua amiga Jess contam sua parte ou seu ponto de vista sobre onde mark está e o que pode ter acontecido com ele e até mesmo o que levou ele a fugir de casa.

Esta é só uma pequena previa do que eu li e não quero explicar muito para não atrapalhar a experiencia de quem também vai ler. 
Sim eu altamente recomendo a leitura e assim que terminar o meu voltarei para dar a impressão geral sobre o livro.
Só uma ultima dica, se você gosta de se surpreender com a história não leiam a sinopse, pois, eu não li a mesma antes de ler o livro e minha surpresa com os acontecimentos iniciais foi muito melhor.


Beijos pessoal.


0 comentários:

Postar um comentário

 
|